Notícias

Confira as principais informações do setor

Safra de trigo russa deve bater novo recorde

A safra de trigo da Rússia deve chegar a 77,5 milhões de toneladas, o que representa um aumento de cinco milhões de toneladas em relação ao ano passado. A estimativa, divulgada pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) na terça-feira (22.08), significa um novo recorde para o país – que domina as licitações dos países do Norte da África e virtualmente dita os preços do mercado internacional.

De acordo com o relatório do USDA, há uma combinação de um salto na colheita de trigo de inverno e um alto potencial de produtividade nas regiões de trigo de primavera. “A produtividade desta safra deverá quebrar o recorde da safra anterior em 8%, fixando-se na média de 2.890 kg/ha”, analisa a Consultoria Trigo & Farinhas.

De acordo com o Rosstat, Comitê Estatal de Estatísticas da Rússia, a área plantada com trigo de inverno no país aumentou 6% em relação ao ano anterior, para o recorde de 14,6 milhões de hectares, excluindo cerca de 0,3 Mha na Criméia. A safra foi beneficiada pelo clima extremamente favorável em praticamente todas as regiões produtoras.

O relatório final do Rosstat sobre a área plantada para o trigo de primavera de 2017 foi de 13,0 milhões de hectares, contra 13,7 Mha plantados em 2016. A queda da área ocorreu em praticamente todas as maiores regiões de plantio de trigo de primavera do país, incluindo o Distrito da Sibéria (que planta 46% da área de trigo de primavera da Rússia), o Distrito do Volga (28%) e o Distrito dos Urais (18%).

A área aumentou somente no Distrito Central, que engloba a maior parte do que resta da área de trigo de primavera russo. A área total a ser colhida com trigo na Rússia, estimada pelo USDA (incluindo trigo de inverno e trigo de primavera) é de 26,8 milhões de hectares, cerca de 0,2% menor do que a do ano passado, excluindo a Criméia.

Fonte: Portal do Agronegócio