Notícias

Confira as principais informações do setor

Qual a definição para um alimento ser considerado integral?

Atualmente existe no mercado uma imensa variedade de alimentos rotulados como integrais: são cereais de aveia, gergelim, linhaça, arroz e trigo, além dos seus derivados, como os pães, as massas, os biscoitos e os bolos, por exemplo. A forte tendência de saudabilidade, impulsionada por consumidores mais exigentes e atentos à qualidade da alimentação, gerou um novo debate: qual definição, no que se refere à composição, deve ser usada para classificar um alimento processado como integral?

Esta foi a questão central do Workshop Alimentos Integrais promovido pela ABITRIGO, Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (ABIA) e Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI), com o apoio do Governo Federal, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e da Confederação Nacional da Indústria (CNI) nos dias 27 e 28 de abril, em Brasília.

Com o objetivo de esclarecer as aplicações dos diversos grãos integrais, a fim de subsidiar com dados científicos uma futura regulamentação, o evento reuniu representantes do setor produtivo de alimentos, moageiros, fábricas de produtos industrializados, do Ministério da Agricultura, de Universidades, de organizações representativas dos consumidores e teve como palestrantes especialistas nacionais e internacionais e membros da ANVISA.

Os benefícios dos alimentos integrais, o que faz um produto obter esta classificação, como desenvolver uma definição padrão e os desafios tecnológicos foram os assuntos abordados no primeiro dia pelos especialistas Alicia de Francisco, coordenadora da American Association of Cereal Chemists International (AACCI); Beat Weilenmann, diretor da Bühler S.A., Cynthia Harriman, diretora do Whole Grain Council; Marilia Nutti e Martha Zavariz de Miranda, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa); Elisabeth Harumi Nabeshima, do Instituto de Tecnologia de Alimentos  (ITAL); Caroline Joy Steel e Maria Teresa Pedrosa Silva Clerici, professoras doutoras da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); Fraçois Capel, cientistas de desenvolvimento da Nestlé e Rosamaria Da Ré, consultora em desenvolvimento de produtos e negócios na área de alimentos.

A programação do segundo dia incluiu as abordagens globais sobre o monitoramento destes alimentos e as percepções e aceitação dos consumidores em relação aos integrais, com a participação de Kathy Wiemer, da General Mills; Bruna Nozomi Tedesco, executiva de marketing do grupo Bimbo no Brasil e Deise Marsiglia, do Centro de Alimentos do Instituto Adolfo Lutz.

No último painel do workshop, Sonia Romani, diretora técnica da ABIMAPI, apresentou um panorama do evento global Miller´s Symposium, realizado em abril em Hamburgo; Luiz Carlos Caetano, diretor técnico da ABITRIGO, falou a respeito dos dados econômicos e do desenvolvimento do setor moageiro de trigo e Daniella Cunha, diretora de Relações Institucionais da ABIA, enfocou a produção de alimentos e dados econômicos específicos sobre os integrais. Para encerrar, Angela Karinne Fagundes de Castro, Gerente de Pós Registro de Alimentos da ANVISA, moderou o debate final.

Na opinião de Luiz Carlos Caetano, a discussão foi de extrema importância para todas as frentes envolvidas no setor produtivo de alimentos integrais. “Os dados apresentados de maneira independente fizeram sentido para a compreensão do cenário atual global já que os entendimentos sobre a classificação da farinha integral variam muito, podendo ser mensuradas simplesmente pela moagem direta ou até de recombinação de todas as partes do grão, pelos mais diversos tipos de processos.”, diz.

Nota publicada no site oficial da Anvisa informa que a partir do benchmark realizado, a Gerência Geral de Alimentos (GGALI), área técnica responsável pela condução do processo regulatório, seguirá a etapa de instrução e elaboração da proposta de resolução que será colocada em consulta pública.

Todas as apresentações realizadas durante o evento estão disponíveis na Página do Associado.

Fonte: ABITRIGO