Notícias

Confira as principais informações do setor

Preços de commodities sobem pelo segundo mês seguido

As matérias¬primas que têm influência sobre a inflação registraram alta pelo segundo mês seguido em outubro. Pelos cálculos do BC, o Índice de Commodities Brasil (IC-Br) teve alta marginal de 0,10% no mês passado, após variação positiva de 1,84% em setembro. No ano, o índice tem baixa de10,71%, e registra queda de 14,42% no acumulado em 12 meses.

Nos 12 meses até setembro recuava 13,32%.

O indicador é construído partindo dos preços das commodities agrícolas, metálicas e energéticas convertido para reais. Seu equivalente internacional, o "Commodity Research Bureau" (CRB), mostrou variação negativa de 2,62% em outubro, e cai 12,9% no ano. No acumulado em 12 meses, o recuo é de 17,19%. Entre os três subgrupos que compõem o IC¬Br, o de commodities agropecuárias (carne de boi, carne de porco, algodão, óleo de soja, trigo, açúcar, milho, café e arroz) mostrou baixa de 0,90% no mês, após avançar de 1,55% em setembro. No ano, a queda é de 14,77%, e em 12 meses o índice passou a recuar 16,76%.

Fonte: Valor Econômico